NUNCA MAIS PASSE RAIVA POR NÃO CONSEGUIR RESOLVER UM PROBLEMA COM O EXCEL - GARANTIDO!

UNIVERSIDADE DO VBA - Domine o VBA no Excel Criando Sistemas Completos - Passo a Passo - CLIQUE AQUI

Você está em: PrincipalTutoriaisPaulocfarias : Redeswireless027
Quer receber novidades e e-books gratuitos?

FILTRO DE TUTORIAIS:


 

Redes Wireless – Parte XXVII

 

9- Diagnosticando problemas em uma WLAN

 

Da mesma forma que as redes cabeadas tradicionais tem seus desafios durante a implementação, com WLANs não é diferente, principalmente no que se refere ao comportamento do sinal de RF. Existem obstáculos comuns que certamente ocorrerão durante a implementação bem sucedida de uma WLAN e vamos aprender a diagnosticá-los usando diversos métodos. Nunca é demais lembrar que esses problemas podem ser evitados através de um bom planejamento e tendo a ciência de que os mesmos podem e irão ocorrer.

 

9.1 – Multipath (Caminhos Múltiplos)

 

Como já vimos anteriormente, existem dois tipos de linha de visada (LOS). A linha de visada visual é aquela em que o olho humano pode ver e é o primeiro e o mais básico dos testes. Se você pode ver o seu receptor a partir do ponto de instalação do transmissor, então existe linha de visada visual. Por outro lado existe também a linha de visada RF, a linha de visada RF é o que o dispositivo pode ver.

 

O comportamento de um sinal RF pode ser resumido no crescimento do mesmo a medida que se afasta do transmissor na direção do receptor. Quando o sinal encontrar objetos no seu caminho, ele sofrerá alguma interferência na forma de reflexões e difrações.  Quando o sinal RF é refletido em um objeto, múltiplas frentes de onda são criadas, na verdade uma para cada ponto de reflexão. Essas múltiplas frentes de onda se moverão em várias direções podendo ainda chegar ao receptor. Esse comportamento é conhecido como multipath. Logo multipath pode ser definido como o sinal original mais as frentes de onda duplicadas causadas pelas reflexões.em objetos situados entre o transmissor e o receptor. A onda original e as frentes de onda duplicadas podem não chegar ao mesmo instante no receptor, normalmente existe um atraso entre elas.

 

Figura 120 - Multipath

 

9.1.1 – Efeitos Causados

 

Todos os efeitos causados pelo multipath podem afetar a transmissão do sinal RF de formas distintas. Os efeitos são os seguintes:

 

» Redução da amplitude do sinal original

 

» Corrupção

 

» Cancelamento

 

» Aumento da amplitude do sinal original

 

9.1.1.1 – Redução da amplitude do sinal original

 

Quando o sinal RF chega ao receptor, muitas ondas refletidas devem chegar ao mesmo tempo ao receptor. Há uma combinação das amplitudes dos sinais original e refletido de forma que há uma soma ao sinal original, porém se essas mesmas ondas estão fora de fase com o sinal original, isso pode causar a redução da amplitude do sinal original no receptor. Essa ocorrência é conhecida como downfade e deveria ser levada em conta quando da condução de um site survey e seleção das antenas apropriadas.

 

Figura 121 – Downfade. Redução do sinal original

 

9.1.1.2 – Corrupção

 

Sinais corrompidos devido ao multipath podem ocorrer pelo mesmo fenômeno descrito anteriormente. Quando o sinal refletido fora de fase é combinado com o sinal original, em vez de ocorrer uma leve redução, ocorre uma drástica redução na amplitude do sinal, fazendo com que ele fique muito próximo da faixa de ruido. O receptor portanto não consegue distinguir o sinal do ruído nessas condições recebendo somente parte dos dados transmitidos. O transmissor terá portanto que re-enviar os dados, aumentando o overhead e reduzindo o throughput em uma WLAN.

 

Figura 122 – Corrupção do sinal original

 

9.1.1.3 – Cancelamento

 

Essa condição ocorre quando uma ou mais ondas refletidas chegam fora de fase com o sinal original no receptor com a mesma amplitude que o original, anulando ou cancelando todo o set de ondas RF incluindo o original.

 

Nesses casos retransmitir o sinal não resolve o problema. O transmissor, o receptor ou os objetos causando a reflexão que estão entre eles devem ser movidos. As vezes é necessário reposicionar  mais de um desses para compensar esses efeitos.

 

Figura 123 – Cancelamento do sinal original

 

9.1.1.4 – Aumento da amplitude do sinal original

 

Ocorre quando o sinal refletido que chega ao receptor está em fase com o sinal original. É como se não houvesse reflexão. Mas sempre é bom lembrar que multipath em hipótese nenhuma tem como amplificar o sinal desde que ele partiu do transmissor. O que há, como já descrito nos outros efeitos anteriores é uma combinação das amplitudes dos sinais refletidos e do original e como eles estão em fase há um acréscimo na amplitude do sinal original. Esse fenômeno é conhecido como upfade.

 

Figura 124 – Upfade. Aumento da amplitude do sinal original

 

É importante entender que a amplitude do sinal recebido nunca será maior que a do sinal transmitido devido a perda inerente do meio (Path Loss), causada a medida que o sinal viaja pelo mesmo, no caso em questão o espaço livre.

 

Podemos pensar em perda no meio, como se alguém fosse fazendo uma bola de chiclete. A medida que a bola se torna maior, o chiclete naquele ponto se torna mais fino. Se alguém fosse tentar extrair uma porção de chiclete na bola, a quantidade de chiclete amostrada seria menor a medida que a bola fosse crescendo. Ao passo que se fossemos extrair uma quantidade de chiclete enquanto ele ainda era pequeno (na boca da pessoa) teríamos uma maior quantidade de chiclete amostrado.

 

Essa pequena ilustração prova que a perda do meio é afetada por dois fatores: a distância entre o transmissor e o receptor e o tamanho da abertura do receptor.

 

Quer receber novidades e e-books gratuitos?

Contato: Telefone: (51) 3717-3796 | E-mail: webmaster@juliobattisti.com.br | Whatsapp: (51) 99627-3434

Júlio Battisti Livros e Cursos Ltda | CNPJ: 08.916.484/0001-25 | Rua Vereador Ivo Cláudio Weigel, 537 - Universitário, Santa Cruz do Sul/RS, CEP: 96816-208

Todos os direitos reservados, Júlio Battisti 2001-2021 ®

[LIVRO]: MACROS E PROGRAMAÇÃO VBA NO EXCEL 2010 - PASSO-A-PASSO

APRENDA COM JULIO BATTISTI - 1124 PÁGINAS: CLIQUE AQUI