NUNCA MAIS PASSE RAIVA POR NÃO CONSEGUIR RESOLVER UM PROBLEMA COM O EXCEL - GARANTIDO!

UNIVERSIDADE DO VBA - Domine o VBA no Excel Criando Sistemas Completos - Passo a Passo - CLIQUE AQUI

Você está em: PrincipalTutoriaisJosebferraz : Empregoverbo001
Quer receber novidades e e-books gratuitos?

FILTRO DE TUTORIAIS:


EMPREGO DO VERBO

 

Nesse tutorial veremos como deve ser empregado o verbo nos modos indicativo, subjuntivo e imperativo, bem como suas formas nominais.

 

MODO INDICATIVO

 

É o modo verbal que expressa um fato real, seja ele afirmativo ou negativo.

 

Exemplos:

 

Perguntei ao professor sobre a resolução do problema.

 

Não almoçaremos naquele restaurante da esquina.

 

Eles participarão do próximo evento cultural.

 

EMPREGO DOS TEMPOS DO INDICATIVO

 

PRESENTE DO INDICATIVO

 

É usado:

 

- para enunciar um fato momentâneo.

 

Exemplos:

 

Vejo belos quadros naquela exposição.

 

Choro quando penso em você.

 

- para expressar um fato que ocorre com freqüência.

 

Exemplos:

 

Caminho todos os dias na praça.

 

Eles jogam futebol todos os finais de semana.

 

- na indicação de ações ou estados permanentes, verdades universais.

 

A Lua é o satélite da Terra.

 

O Brasil possui um imenso litoral.

 

- com valor de outros tempos.

 

Futuro do presente do indicativo.

 

Exemplo:

 

Ele viaja para Berlim na próxima semana.

 

Amanhã faz um ano que nos casamos.

 

Futuro do subjuntivo

 

Se você se exercita, obterá ótimos resultados nos exames.

 

PRETÉRITO IMPERFEITO

 

É empregado:

 

- para expressar um fato passado, não concluído.

 

Exemplo:

 

A testemunha reconhecia o réu, mas não pode denunciá-lo.

 

- para indicar um fato habitual.

 

Exemplos:

 

Ele estudava de duas a quatro horas por dia.

 

Nós escrevíamos apenas o necessário.

 

- com valor de outros tempos:

 

presente do indicativo (atenuação de pedidos)

 

Exemplos:

 

Eu queria um livro de receitas.

 

Eu desejava saber se esse carro está à venda.

 

PRETÉRITO PERFEITO

 

É usado na indicação de um fato passado concluído.

 

Exemplos:

 

Ele jogou uma ótima partida.

 

Acordei cedo e fui ao mercado.

 

Renata comeu todo o bolo de chocolate.

 

PRETÉRITO MAIS-QUE-PERFEITO

 

Expressa um fato passado anterior a outro acontecimento passado.

 

Exemplos:

 

Ele finalmente comprou o carro, o mesmo que desejara durante tempos.

 

- usado em orações optativas (que expressem desejo)

 

Exemplo:

 

Pudera eu conseguir atingir minhas metas.

 

FUTURO DO PRESENTE

 

É usado:

 

- na indicação de um fato realizado num instante posterior ao que se fala.

 

Exemplos:

 

Os programadores desenvolverão softwares cada vez mais poderosos.

 

Os computadores realizarão cálculos complexos e avançados mais rápidos que os atuais.

 

- na indicação de um fato atual incerto.

 

Exemplos:

 

Terá os computadores capacidade para se defender dos vírus?

 

Os antivírus poderão atenuar os danos causados pelos vírus nos computadores?

 

- com valor imperativo.

 

Exemplos:

 

Estudarás para o vestibular com afinco.

 

Os convidados sentarão na primeira fila.

 

FUTURO DO PRETÉRITO

 

É usado:

 

- para expressar um acontecimento posterior a um outro acontecimento passado.

 

Exemplos:

 

Eugênio passaria no vestibular logo na sua primeira tentativa.

 

Ela cantaria todas às noites naquela boate.

 

- para expressar um acontecimento futuro que depende de outro.

 

Você ganharia a corrida se o carro não quebrasse.

 

Nós compraríamos o livro se fôssemos à feira cultural.

 


Pacote de Vídeo-Aulas: Gramática para Concursos

Pacote de Vídeo-Aulas: Gramática para Concursos

Atualizado com a Nova Ortografia - Curso Completo - Teoria e Prática

Duração: 44:00 | Autor: Manoel Jailton


- para expressar um acontecimento duvidoso.

 

Exemplos:

 

Você casaria novamente sabendo como é difícil o relacionamento a dois?

 

Roberto compraria esse celular se soubesse os defeitos apresentados após a garantia?

 

MODO SUBJUNTIVO

 

O modo subjuntivo expressa fatos hipotéticos, incertos.

 

Exemplos:

Quando ele estudar, passará no concurso.

 

Se ele comprasse o carro poderia viajar.

 

É usado freqüentemente em orações subordinadas e frases optativas.

 

Exemplos:

 

É necessário que você fale a verdade na delegacia.

 

Que Deus o abençoe!

 

EMPREGO DOS TEMPOS DO SUBJUNTIVO

 

PRESENTE

 

É usado:

 

- para expressar dúvida, hipótese.

 

Exemplos:

 

É possível que ele se encontre com Rosário.

 

Talvez eu seja absolvido das acusações.

 

É provável que ele cante hoje à noite.

 

- em orações subordinadas (quando o verbo da oração principal se apresenta no presente do indicativo ou imperativo)

 

Exemplos:

 

Esperamos que vocês desenvolvam o programa de qualidade.

 

É necessário que ele apresente as provas.

 

PRETÉRITO IMPERFEITO

 

Geralmente é usado:

 

- em orações subordinadas substantivas e adjetivas.

 

Exemplos:

 

O rio que cortava a cidade era a atração turística.

 

A população esperava que a prefeitura instalasse o posto de saúde.

 

- em orações subordinadas adverbiais.

 

Exemplos:

 

Embora houvesse carne estocada, ninguém conseguia encontrá-la à venda.

 

Se pudéssemos entrar na sala, estudaríamos melhor.

 

Ganharíamos o prêmio se cantássemos melhor.

 

SÍNTESE DO TUTORIAL

 

MODO INDICATIVO

 

É o modo verbal que expressa um fato real, seja ele afirmativo ou negativo.

 

PRESENTE DO INDICATIVO

 

É usado:

- para enunciar um fato momentâneo.

- para expressar um fato que ocorre com freqüência.

- na indicação de ações ou estados permanentes, verdades universais.

- com valor de outros tempos.

 

PRETÉRITO IMPERFEITO

 

É usado:

- para expressar um fato passado, não concluído.

- para indicar um fato habitual.

- com valor de outros tempos:

 

PRETÉRITO PERFEITO

 

É usado na indicação de um fato passado concluído.

 

PRETÉRITO MAIS-QUE-PERFEITO

 

Expressa um fato passado anterior a outro acontecimento passado.

 

FUTURO DO PRESENTE

 

É usado:

- na indicação de um fato realizado num instante posterior ao que se fala.

- na indicação de um fato atual incerto.

- com valor imperativo.

 

FUTURO DO PRETÉRITO

 

É usado:

- para expressar um acontecimento posterior a um outro acontecimento passado.

- para expressar um acontecimento futuro que depende de outro.

- para expressar um acontecimento duvidoso.

 

MODO SUBJUNTIVO

 

O modo subjuntivo expressa fatos hipotéticos, incertos.

 

PRESENTE

 

É usado:

- para expressar dúvida, hipótese.

- em orações subordinadas (quando o verbo da oração principal se apresenta no presente do indicativo ou imperativo)

 

PRETÉRITO IMPERFEITO

 

Geralmente é usado:

- em orações subordinadas substantivas e adjetivas.

- em orações subordinadas adverbiais.

Quer receber novidades e e-books gratuitos?

Cursos Online

  • Banco de Dados
  • Carreira
  • Criação/Web
  • Excel/Projetos
  • Formação
  • + Todas as categorias
  • Essential SSL

    Contato: Telefone: (51) 3717-3796 | E-mail: webmaster@juliobattisti.com.br | Whatsapp: (51) 99627-3434

    Júlio Battisti Livros e Cursos Ltda | CNPJ: 08.916.484/0001-25 | Rua Vereador Ivo Cláudio Weigel, 537 - Universitário, Santa Cruz do Sul/RS, CEP: 96816-208

    Todos os direitos reservados, Júlio Battisti 2001-2020 ®

    [LIVRO]: MACROS E PROGRAMAÇÃO VBA NO EXCEL 2010 - PASSO-A-PASSO

    APRENDA COM JULIO BATTISTI - 1124 PÁGINAS: CLIQUE AQUI