NUNCA MAIS PASSE RAIVA POR NÃO CONSEGUIR RESOLVER UM PROBLEMA COM O EXCEL - GARANTIDO!

UNIVERSIDADE DO VBA - Domine o VBA no Excel Criando Sistemas Completos - Passo a Passo - CLIQUE AQUI

Você está em: PrincipalTutoriaisJarbasteixeira : Mandriva2006005
Quer receber novidades e e-books gratuitos?

FILTRO DE TUTORIAIS:


Instalando o Linux via NFS

 

Este tutorial praticamente serve para qualquer distribuição Linux. Mas foi testado no Mandriva Linux e Conectiva 10. Praticamente.

 

Apresentação:

 

Vamos aprender como configurar um servidor NFS e compartilhar arquivos em redes entre Linux e também através dele vamos instalar uma distribuição Linux. Este tutorial tem a vantagem de servir para várias rotinas do dia a dia.

 

Pré-requisitos:

 

Conhecimentos básicos de Linux e de redes.

 

O que é NFS?

 

Network File System (Sistema de Arquivos de Rede). Através dele é possível acessar discos remotos. É a forma padrão de compartilhar arquivos no mundo Linux e UNIX. Por exemplo, você poderia copiar todos os arquivos do CDs do Mandriva para um servidor que tenha o NFS. Depois, era só executa a instalação via rede. Se você quer que compartilhar os arquivos via Linux para Linux use o NFS.

 

Uma grande vantagem do NFS é sua simplicidade.

 

Parte 1 - Processo a ser realizado no servidor:

 

1. Instale os pacotes nfs do Mandriva/Conectiva ou de sua distribuição preferida.

 

No Mandriva:

 

urpmi nfs

 

Os pacotes no mandriva são estes:

 

» nfs-utils

 

» nfs-utils-clients (para os clientes)

 

» e Portmap

 

Também será necessário o serviço portmap para gerenciar as requisições dos clientes.

 

No Conectiva

 

Precisaremos dos seguintes pacotes:

 

» nfs-server-2.2beta47-43869cl

 

» nfs-utils-1.0.6-62648cl

 

» e Portmap

 

apt-get install nfs-server

 

apt-g install nfs-utils

 

O arquivo exports

 

Este é o arquivo, onde colocamos os diretórios que serão exportados (compartilhados). Quais host (ips) da rede terão acesso  e a permissão.

 

Por padrão este arquivo está vazio.

 

Ou seja, o local onde devemos exportar os arquivos é aqui. E o local onde é feita as configurações NFS.

 

Exportando um diretório para todos da rede somente leitura

 

Vamos compartilhar um diretório para todos os micros da tua rede. Veja como é simples.

 

1. Acesse o Linux no Modo Texto.

 

2. Crie um diretório por exemplo. Diretório dados. Então digite mkdir /dados. Neste diretório, vamos exportar usando o NFS.

 

Obs: O nome do diretório pode ser qualquer um.

 

3. Insira a seguinte linha no arquivo /etc/exports:

 

/dados *(ro)

 

Explicando cada item:

 

» /dados – diretório a ser exportado (compartilhado).

 

» * - qualquer host da rede.

 

» (ro) – somente leitura.

 

4. Salve o arquivo.

 

Inicializando os serviços

 

1. Digite num terminal ou console service nfs start (serve para Mandriva, Conectiva, Fedora, RedHat) e service portmap start.

 

Em outras distribuições acesse o diretório /etc/init.d/portmap start e depois o nfs.

 

Testando num CLIENTE

 

Agora, vamos testar acessando de uma estação Linux, o diretório compartilhado.

 

1. Acesse uma console ou terminal.

 

Vamos criar um diretório para montar o compartilhamento NFS. Por padrão, eu gosto de criar sempre /mnt. Mas, fique a vontade para criar em qualquer local.

 

2. mkdir /mnt/dados.

 

3. mount –t nfs 172.16.220.193:/dados /mnt/dados

 

Se for fazer no Ubuntu digite sempre antes o comando sudo e o restante do comando. Por exemplo: sudo mkdir /mnt/dados. Será pedido a senha de root. É só fornece-la.

 

Testei estes comandos no Conectiva, Ubuntu, Red Hat e Mandriva. Funcionou igual sem nenhum problema.

 

4. Digite cd /mnt/dados.

 

5. Digite ls.

 

Serão listados os arquivos deste diretório. Para você testar realmente, vá no servidor nfs e crie um arquivo. Depois volte na estação e acesse o compartilhamento NFS.

 

Acessando os compartilhamentos no Modo Gráfico.

 

Vamos criar um link simbólico na área de trabalho do usuário Jarbas. Veja com é simples:

 

1. cd /home/jarbas/Desktop.

 

2. ln -s /mnt/dados/ "Meus Dados"

 

3. Agora acesso o Linux no Modo Gráfico.

 

Veja a ilustração:

 

 

É só acessar o link (atalho) Meus Dados.

 

Criando os diretórios para copiar o conteúdo dos cds ou dvd:

 

1. Crie os subdiretórios dentro do diretório /repositório. O comando é este:

 

1.1 cd /repositório

 

1.2 mkdir cd1 cd2 cd3 cd4 cd5 cd6 cd7

 

Obs: O nome do diretório pode ser qualquer um.

 

Copiando o conteúdo dos cd-roms

 

Copiar cd1:# cp -r /mnt/cdrom/* /repositorio/mandriva2006/cd1

 

Copiar cd2:# cp -r /mnt/cdrom/* /repositorio/mandriva2006/cd2

 

Copiar cd3:# cp -r /mnt/cdrom/* /repositorio/mandriva2006/cd3

 

Copiar cd4:# cp -r /mnt/cdrom/* /repositorio/mandriva2006/cd4

 

Copiar cd5:# cp -r /mnt/cdrom/* /repositorio/mandriva2006/cd5

 

Copiar cd6:# cp -r /mnt/cdrom/* /repositorio/mandriva2006/cd6

 

Copiar cd7:# cp -r /mnt/cdrom/* /repositorio/mandriva2006/cd7

 

Obs: é bom organizar, pois talvez seja necessário criar outros repositórios. Você pode criar esta mesma estrutura para outras distribuições.

 

Parte CLIENTE

 

Criar o CD de BOOT do Linux

 

Geralmente no primeiro cd das distribuições Linux existe um arquivo boot.iso. Use algum programa para queimar este .iso. Existe o Nero tanto para Linux ou Windows.

 

Bem, agora vamos precisar de um outro computador, para podemos instalar o Linux via Rede usando o NFS.

 

Passos deve ser feitos numa estação Linux

 

1. Ligue o seu computador e configure o boot para ser através do CD-ROM.

 

2. Coloque o cdrom que você queimou o boot.iso.

 

3. Quando ligar a máquina, o boot será feito pelo cd-rom.

 

Veja a ilustração:

 

 

4. Tecle Enter para começar o processo de instalação.

 

Na próxima tela, você vai informar como será feito o processo de instalação que pode ser feita via:

 

» ftp

 

» nfs

 

» http etc.

 

Veja a ilustração:

 

 

5. Marque NFS server e tecle Enter.

 

Na próxima tela, você vai informar como será a conexão via TCP/IP se você vai informar um Endereço IP manualmente selecionando a opção Static ou se na tua rede tiver um servidor de DHCP, selecione DHCP. Veja a ilustração:

 

 

6. No nosso exemplo, vamos selecionar a opção DHCP, tecle Tab e depois Enter.

 

A próxima tela, não é necessário você configurar nada. Mas, você poderia dizer qual o nome do host e o domínio. Veja a ilustração:

 

 

7. Tecle no Ok.

 

Agora é a parte onde, você informa onde está o servidor NFS. É importante que você saiba o endereço IP do servidor e o local do repositório onde estão os arquivos da tua distribuição Linux. Veja a ilustração:

 

 

8. No campos NFS server name, informe o IP do teu servidor ou o nome dele caso você tenha configurado o host no DNS. E no campos Mandriva Linux directory, informe o diretório que você compartilhou no NFS no arquivo /etc/exports. Veja a ilustração abaixo:

 

 

9. Tecle no Ok.

 

Se a próxima tela for exibida é que tudo está funcionando. Veja:

 

 

Aguarde mais um pouco enquanto é exibida a tela de instalação. Veja:

 

 

Pronto. O processo de instalação agora é igual você estivesse fazendo através de um cd-rom. Este processo não será demonstrado aqui.

 

Conclusão

 

Aprendemos de forma fácil a configurar um servidor NFS que é um padrão no Linux e UNIX.  Também vimos como compartilhar um diretório entre Linux e a instalar uma distribuição via NFS.

 

Quer receber novidades e e-books gratuitos?

Cursos Online

  • Banco de Dados
  • Carreira
  • Criação/Web
  • Excel/Projetos
  • Formação
  • + Todas as categorias
  • Contato: Telefone: (51) 3717-3796 | E-mail: webmaster@juliobattisti.com.br | Whatsapp: (51) 99627-3434

    Júlio Battisti Livros e Cursos Ltda | CNPJ: 08.916.484/0001-25 | Rua Vereador Ivo Cláudio Weigel, 537 - Universitário, Santa Cruz do Sul/RS, CEP: 96816-208

    Todos os direitos reservados, Júlio Battisti 2001-2020 ®

    [LIVRO]: MACROS E PROGRAMAÇÃO VBA NO EXCEL 2010 - PASSO-A-PASSO

    APRENDA COM JULIO BATTISTI - 1124 PÁGINAS: CLIQUE AQUI