NUNCA MAIS PASSE RAIVA POR NÃO CONSEGUIR RESOLVER UM PROBLEMA COM O EXCEL - GARANTIDO!

UNIVERSIDADE DO VBA - Domine o VBA no Excel Criando Sistemas Completos - Passo a Passo - CLIQUE AQUI

Você está em: PrincipalTutoriaisHerbertgois : Programandovbnet014
Quer receber novidades e e-books gratuitos?

FILTRO DE TUTORIAIS:


Programando com VB.NET

 

USANDO PROCEDIMENTOS

 

Procedimento é um conjunto de códigos a serem executados para uma determinada finalidade. Quando você estiver escrevendo seus programas, vai notar que muito código digitado é igual, ou seja, que você precisa repetir código em vários locais.

 

Os procedimentos auxiliam nisso, você pode criar um procedimento e depois chamá-lo em seu programa sempre que for necessário. No Visual Basic nós temos primariamente dois tipos de procedimentos: Function  e Sub. Sendo que a principal diferença entre eles é que o primeiro sempre vai retornar um valor, enquanto o segundo nunca vai retornar nada.

 

Os procedimentos também ajudam na manutenção do programa. Imagine que você precise fazer certo cálculo em vários locais do seu programa. E agora a fórmula do cálculo foi modificada, você terá que localizar no seu programa cada local que tem a fórmula para alterá-la. Se você tiver um procedimento que faz o cálculo, basta alterar o procedimento.

 

Os procedimentos também podem ser reaproveitados em outras aplicações.

 

Para executar os exemplos deste tutorial você vai utilizar a aplicação criada no tutorial 2, chamada tutorial2. A única mudança é que para este tutorial eu estou exibindo uma mensagem e não uma imagem para quando o 7 for encontrado, para simplificar.

 

USANDO O PROCEDIMENTO SUB

 

Procedimetos Sub são tipicamente usados para pegar informações do usuário, exibir ou imprimir informações e manipular propriedades associadas a condições. Sua sintaxe é a seguinte:

 

Sub NomedoProcedimento(argumentos)

Código

End Sub

 

NomedoProcedimento é o nome que você quer dar a Sub que esta criando. Procure dar sempre um nome que ajude a identificar a utilidade da sua Sub.

 

Argumentos são uma lista de argumentos opcionais - separados por vírgula se forem mais de um -  que serão usados na sua Sub. Cada argumento precisa ter um tipo especifico.

 

Código é o bloco de código que faz o trabalho do procedimento.

 

Neste tutorial vamos aprimorar o exemplo que criamos no segundo tutorial o tutorial2.

 

1 - Abra o projeto do tipo Windows Application que criamos no primeiro tutorial2 chamado tutorial2.

 

2 - Vá até o painel de código do Form1. Deve ser semelhante ao painel abaixo:

 

 

Perceba na linha quatro o sinal de (+), logo após a linha 4 tem a linha 119. Isso porque tem código oculto ali, se você clicar no sinal de (+) ele vai exibir o código. Esse código o Visual Studio cria automaticamente, é responsável por criar os controles no formulário, posicioná-los e inicializa-los. não altere as propriedades dos controles aqui, sempre use a janela Properties e a Toolbox. Para ocultar o código clique no sinal de (-) que antecede a Region. Você pode criar suas próprias Regions para organizar seu código, para isso crie a Region como o seguinte e coloque seu código dentro da mesma.

 

#Region “NomedaRegiao”

 

#End Region

 

Em seguida na linha 120 você tem o procedimento que é executado quando o Button1 é clicado. mais abaixo temos o mesmo tipo de procedimento para o Button2 que finaliza a aplicação.

 

Quando criamos uma variável dentro de um procedimento, ela só fica disponível para esse procedimento. Chamamos isso de escopo da variável, nesse caso, o escopo da variável é o procedimento em questão. Se precisamos acessar uma mesma variável em mais de um procedimento, precisamos declará-la na Classe, então tudo que estiver dentro da classe em questão pode acessar a variável. O escopo da variável agora esta na classe.

 

Para melhorar a compreensão vamos continuar nosso exemplo.

 

3 - Digite o seguinte código dentro da classe Form1:

 

      Sub DigitarNome()

        Dim nome As String

        nome = InputBox(“Digite seu nome”)

    End Sub

 

Atenção: Esse código não deve estar dentro de nenhum dos procedimentos dos Botões, deve estar apenas no escopo da classe, como na figura abaixo:

 

 

Essa sub que criamos abre uma caixa de diálogo para o usuário digitar seu nome.

 

Se você executar sua aplicação agora não perceberá modificação alguma, isso porque apenas criamos nossa Sub, não estamos a usando em lugar nenhum.

 

Para usarmos nossa Sub precisamos chamá-la dentro de um evento. Vamos fazer isso agora.

 

4 - Volte para o Design do Form1.

 

5 - De um clique duplo sobre o Form1, certifique-se de não clicar sobre nenhum controle. Isso deve criar o código do evento Load do Form1, como a figura:

 

 

6 - Digite o seguinte código que faz a chamada a Sub DigitarNome que criamos:

 

      DigitarNome()

 

Deve ficar assim:

 

 

O evento Load do Form1 é executado sempre que o Form1 é carregado, ou seja, quando você executa seu programa e o Form1 é iniciado o evento Load é executado.

 

7 - Execute sua aplicação.

 

Agora antes do Form1 apareçer a seguinte caixa de diálogo abre pedindo que você digite o nome.

 

 

8 - Digite seu nome e clique em OK.

 

9 - O programa agora é iniciado e funciona normalmente, como no tutorial2.

 

10 - Encerre a execução do programa.

 

11 - Vamos criar uma outra Sub agora. Novamente na classe digite o seguinte código:

Sub SomaNumeros(a as Integer, b as Integer, c as integer)

 

Quando chegar no final da linha acima tecle Enter, o Visual Studio vai ajudar automaticamente o código para o seguinte:

 

Sub SomaNumeros(ByVal a As Integer, ByVal b As Integer, ByVal c As Integer)

 

End Sub

 

Perceba que o Visual Studio adicionou automaticamente o ByVal em cada um dos argumentos. Um próximo tutorial vai tratar deste assunto.

 

Os argumentos poderiam ser de tipos diferente, para isso bastaria especificar o novo tipo.

 

Essa Sub recebe como argumentos 3 números, ela vai somá-los e exibir uma mensagem com o resultado da soma, o código dela é o seguinte:

 

MsgBox(“A soma dos 3 números é: “ & a + b + c)

 

O código vai ficar assim:

 

Sub SomaNumeros(ByVal a As Integer, ByVal b As Integer, ByVal c As Integer)

MsgBox(“A soma dos 3 números é: “ & a + b + c)

End Sub

 

Como na figura:

 

 

Quando chamamos uma função que contém argumentos, precisamos passar esses argumentos para ela, como no exemplo:

 

SomaNumeros(4, 8, 7)

 

Quando mais temos de um argumento, separamos por vírgula os valores.

 

Podemos passar variáveis como argumentos também, sempre respeitando os tipos, um argumento que recebe um integer, tem que receber uma variável do tipo integer ou valor do tipo integer.

 

12 - Vamos fazer uso desse nosso procedimento agora. Localize no painel de código o evento do Button1 e no final dele digite o seguinte:

 

SomaNumeros(Ctype(Label1.Text,Integer),Ctype(Label2.Text,Integer),

Ctype(Label3.Text,Integer))

 

Perceba que ao digitar SomaNumeros( é exibido uma ajuda sobre quais os argumentos a Sub precisa e seus respectivos tipos, como a imagem:

 

 

Como os tipos necessários pela Sub são do tipo integer, e os dados dos Labels são do tipo String, usamos o CType para converter os dados de String para Integer.

 

13 - Execute a aplicação.

 

14 - Digite seu nome e clique em OK.

 

 

15 - Clique em Girar.

 

O código do evento do Button1 é executado e uma janela com a soma dos números é exibida como a seguinte:

 

 

Note que o resultado do seu teste pode ser diferente porque os números são aleatórios.

 

Agora queremos que a janela, além de exibir a soma dos números exiba em sua mensagem o nome do usuário que foi digitado na inicialização do Form1. Mas como a variável com o nome foi criada dentro da Sub, ela não esta no escopo de outras Subs, para isso vamos remover a declaração de dentro da Sub e inseri-la à nível da Classe.

 

Toda variável criada na classe fica disponível para todos os procedimentos da classe.

 

16 - Declare a variável na classe como na figura:

 

 

17 - Mude o código da Sub SomaNumeros para:

 

MsgBox(“Caro “ & nome & “, a soma dos 3 números é: “ & a + b + c)

 

18 - Execute a aplicação.

 

19 - Digite seu nome e clique em OK.

 

20 - Clique no botão Girar.

 

A caixa com a mensagem agora deve ser semelhante a seguinte:

 

 

Conclusão:

 

Procure sempre usar procedimentos quando sabe que precisará do mesmo código em um outro lugar. Fique atento também com o escopo de suas variáveis e procedimentos. No próximo tutorial você vai aprender a usar o procedimento Function.

 


Confira todos os artigos de Certificações .NET:

Quer receber novidades e e-books gratuitos?

Cursos Online

  • Banco de Dados
  • Carreira
  • Criação/Web
  • Excel/Projetos
  • Formação
  • + Todas as categorias
  • Contato: Telefone: (51) 3717-3796 | E-mail: webmaster@juliobattisti.com.br | Whatsapp: (51) 99627-3434

    Júlio Battisti Livros e Cursos Ltda | CNPJ: 08.916.484/0001-25 | Rua Vereador Ivo Cláudio Weigel, 537 - Universitário, Santa Cruz do Sul/RS, CEP: 96816-208

    Todos os direitos reservados, Júlio Battisti 2001-2020 ®

    [LIVRO]: MACROS E PROGRAMAÇÃO VBA NO EXCEL 2010 - PASSO-A-PASSO

    APRENDA COM JULIO BATTISTI - 1124 PÁGINAS: CLIQUE AQUI