NUNCA MAIS PASSE RAIVA POR NÃO CONSEGUIR RESOLVER UM PROBLEMA COM O EXCEL - GARANTIDO!

UNIVERSIDADE DO VBA - Domine o VBA no Excel Criando Sistemas Completos - Passo a Passo - CLIQUE AQUI

Você está em: PrincipalTutoriaisAlmirrivas : Oracle010
Quer receber novidades e e-books gratuitos?

FILTRO DE TUTORIAIS:


Gerenciando o armazenamento do banco de dados – Parte II

 

Objetivos:

 

Este artigo trata das estruturas de armazenamento do Oracle Database 10G Express Edition explica como gerenciar e monitorar a quantidade de memória usada e disponível para as operações do banco de dados e Backup. Os seguintes itens são tratados neste artigo: Estrutura de armazenamento de banco de dados, monitorando o espaço usado, compactando o armazenamento, visualizando as tablespaces, visualizando os redo log files e gerenciando a flash recovery area.

 

Pré-requisitos:

 

Ter o Oracle 10g Database Express instalado.

 

Nota: Este tutorial faz parte do Curso: Oracle – Administração básica.

 

Sobre as estruturas de armazenamento de banco de dados (continuação)

 

A imagem abaixo mostra a estrutura de armazenamento do Oracle Database 10g Express Edition:

 

 

Database

 

O database é o conjunto de estruturas lógicas e físicas que contém todos os dados e metadados de sua aplicação. O banco de dados também contém estruturas de controle necessárias para iniciar sua operação. Todas essas estruturas serão descritas nas próximas seções e estão representadas na figura acima.

 

A instância do Oracle Database XE (que consiste do Oracle Database XE processo de retaguarda e a memória alocada) trabalha com um database único.

 

No lugar de permitir a criação de múltiplos databases  para acomodar diferentes aplicações o Oracle Database XE usa um único database  e suporta a criação de múltiplas aplicações permitindo a você separar os dados em diferentes schemas.

 

O maior tamanho que um database do Oracle Database XE pode atingir é de 5 gigabytes. Isto inclui os 0.5 e 0.9 GB para o dicionário de dados, esquemas internos e espaços temporários deixando, desta forma, 4 GB para dados.

 

Tablespaces

 

Um database é composto de uma ou mais tablespaces. Uma tablespace é um conjunto de um ou mais arquivos físicos (datafiles ou tempfiles) sendo a tablespace a estrutura primária de gerenciamento de armazenamento de um database.

 

Veja alguns tipos de tablespaces:

 

» Permanent tablespaces

 

Esta tablespace é utilizada para armazenar dados do sistema e dados do usuário. Permanent tablespaces são constituídas de um ou mais datafiles. No Oracle Database XE todos os seus dados são armazenados, por padrão, em tablespaces chamadas de USERS. Esta tablespace consiste em um único arquivo físico que cresce automaticamente a medida que você armazena mais dados nele.

 

» Temporary tablespaces

 

Temporary tablespaces melhora a concorrência em operações de indexação múltipla e reduz o overhead. Temporary tablespaces são mais eficientes para indexações com a utilização do disco. Temporary tablespace são formadas por um ou mais tempfiles. Oracle Database XE gerencia automaticamente o armazenamento de temporary tablespaces.

 

» Undo tablespace

 

O Oracle Database XE cria de forma transparente e automática dados para recuperação (undo data) dentro desta tablespace.

 

Quando uma transação modifica o banco de dados o Oracle Database XE faz umcópia antes de realizar a transação. A copia original dos dados é chamada de undo data. Esta informação é necessária pelas seguintes razões:

 

» Para desfazer as ações já realizadas de uma transação que se iniciou e que foi executado nela uma rollback. A operação de rollback consiste na execução de um comando rollback pelo usuário com a intenção de desfazer ações já realizadas dentro de uma transação.

 

» Para proporcionar uma consistência nos dados, ou seja, para que os usuários possam ver os dados da forma correta enquanto os mesmo são alterados por uma transação que ainda não foi concluída. Por exemplo, se um usuário iniciou uma transação que irá realizar uma grande quantidade de alterações no banco às 10h e esta transação será executada em 20 minutos. Durante o período que vai das 10h até as 10h20. Toda consulta realizada no banco de dados verá os dados como estavam às 10h.

 

» Para  suportar a característica de Flashback query  que habilita o usuário a visualizar ou recuperar versões anteriores dos dados.

 

A tabela abaixo mostra as diversas tablespaces e suas descrições.

 

 

Observação importante: Você pode criar tablespaces adicionais no Oracle Database XE embora isso normalmente não se faça necessário. Uma situação que talvez torne necessária a criação de novas tablespaces é no caso da importação de objetos de um outro banco de dados Oracle que use tablespaces específicas.

 

Datafiles e tempfiles

 

Datafiles são arquivos do sistema que armazenam dados do database. Estes dados são gravados no arquivo em um formato proprietário da Oracle  e não conseguem ser lidos por outros programas que não seja o Oracle Database XE. Tempfiles são arquivos especiais do Oracle que estão associados somente a tablespaces temporárias.

 

Temporary tablespaces fornecem uma área de trabalho para processar queries.

 

Arquivo de controle

 

O arquivo de controle (control file) é um arquivo binário que rastreia o nome e as localizações dos componentes físicos do banco de dados, mantém também o controle de informações, incluindo registros de todos os backups e arquivos relacionados. Ele é essencial para o funcionamento do banco de dados.

 

Arquivo de parâmetros do servidor (Server parameter file)

 

O arquivo de parâmetro do servidor (SPFILE) contém os parâmetros necessários para o Oracle Database XE iniciar e determinar a configuração dos recursos do servidor.

 

Não tente editar este arquivo com um editor de texto ele é um arquivo binário.

 

Você pode mudar os parâmetros deste arquivo utilizando o comando ALTER SYSTEM no SQL Command Line (SQL Plus).

 

Arquivo de senhas

 

O Oracle Database XE usa o arquivo de senhas para autenticar usuários remotos do banco de dados, como o usuário SYS. O usuário SYS pode realizar tarefas administrativas através de estações remotas. O arquivo de senhas contém a senha do usuário SYS criptografada. Sempre que você trocar a senha do usuário SYS este arquivo é automaticamente atualizado.

 

Este arquivo é automaticamente criado quando você instala o Oracle Database XE ao contrário de outras estruturas do banco de dado o arquivo de senha não é backupeado para  a área de flash recovery.

 

Observação importante: Dento dos procedimentos típicos você não deve utilizar o usuário SYS para conectar-se ao banco de dados.

 

Estruturas relacionadas à recuperação na Flash Recovery Area

 

A flash recovery area é essencial para a proteção de dados do Oracle Database Express Edition. Esta área é uma pasta diferente da pasta do banco de dados onde às estruturas relacionadas à recuperação dos dados são armazenadas. Estas estruturas incluem:

 

» Backups dos arquivos físicos do banco de dados (datafiles, control files e server parameters file (SPFILE))

 

Observação importante: Os arquivos de backups do Oracle Database e os arquivos  de recuperação visam a proteção dos arquivos físicos do banco de dados.

 

Backups são armazenadas em coleções de objetos chamadas backup sets. Um backup set consistem em um conjunto  de pedaços de backup armazenado em um formato proprietário e que somente pode ser acessado pelo Oracle Database.

 

» Logs de redo

 

O online redo log files gravam todas as mudanças do banco de dados. Eles podem ser usados para a recuperação dos dados no caso de um evento de falha ocorrer.

 

» Redo logs arquivos

 

Se você ativar o arquivamento do log de arquivos de redo, os arquivos de redo logs que forem preenchidos são copiados para a flash recovery area antes de serem reusados. Os arquivos on line e os arquivos de log arquivados possuem todos os registros do banco de dados que foram atualizados desde o último backup.

 

O banco de dados gerencia automaticamente todo o conteúdo do flash recovery area. Você não precisa manipular os arquivos da flash recovery area utilizando comandos do sistema operacional.

 

Veja na tabela abaixo a localização da flash recovery area em cada uma das plataformas:

 

 

Cuidado: A configuração padrão do Oracle Database armazena a flash recovery area no mesmo local dos arquivos do banco de dados. Nesta configuração se uma falha de disco ocorre você ira perder ambos, bancos de dados e backup. Quando estiver trabalhando com um banco de dados onde a proteção de dados é essencial mude o  local da flash recovery area.

 

Quer receber novidades e e-books gratuitos?

Cursos Online

  • Banco de Dados
  • Carreira
  • Criação/Web
  • Excel/Projetos
  • Formação
  • + Todas as categorias
  • Essential SSL

    Contato: Telefone: (51) 3717-3796 | E-mail: webmaster@juliobattisti.com.br | Whatsapp: (51) 99627-3434

    Júlio Battisti Livros e Cursos Ltda | CNPJ: 08.916.484/0001-25 | Rua Vereador Ivo Cláudio Weigel, 537 - Universitário, Santa Cruz do Sul/RS, CEP: 96816-208

    Todos os direitos reservados, Júlio Battisti 2001-2020 ®

    [LIVRO]: MACROS E PROGRAMAÇÃO VBA NO EXCEL 2010 - PASSO-A-PASSO

    APRENDA COM JULIO BATTISTI - 1124 PÁGINAS: CLIQUE AQUI