[MEU 50º LIVRO]: BANCOS DE DADOS E ACESS - CURSO COMPLETO - DO BÁSICO AO VBA - 1602 páginas

Páginas: 1602 | Autor: Júlio Battisti | 40% de Desconto e 70h de Vídeo Aulas de Bônus

Você está em: PrincipalArtigosASP.NET › Capítulo 03 : 03
Quer receber novidades e e-books gratuitos?
›››
  « Lição anterior Δ Página principal ¤ Capítulos Próxima lição »
ASP.NET - CURSO COMPLETO
Autor: Júlio Battisti


Promoção: Livro Windows Server 2012 R2 e Active Directory - Curso Completo, 2100 Páginas. Tudo para você se tornar um administrador de redes altamente qualificado para o mercado de trabalho e levar a sua carreira para o próximo nível!

Promoção: Livro Windows Server 2012 R2 e Active Directory

Curso Completo, 2100 páginas. Tudo para você se tornar um administrador de redes altamente qualificado para o mercado de trabalho e levar a sua carreira para o próximo nível!


Lição 028 - Capítulo 03 - Como é a "a cara" de um programa escrito em C#?

Vamos apresentar o todo e depois explicar as partes. Em outras palavras: Vamos apresentar um programa completo, porém bastante simples, em C#. Além do código fonte iremos compilar e executar o programa. O nosso programa de exemplo solicita que sejam digitados dois números inteiros e exibe o resultado da adição e da multiplicação entre os números digitados. Após criarmos e testarmos o programa, iremos as devidas explicações. Vamos salvar o código fonte como ex1cap3.cs. Ao compilarmos o código fonte será gerado um arquivo chamado ex1cap3.exe.

Criando o programa ex1cap3.cs:

1.         Abra o Bloco de Notas (Iniciar -> Programas -> Acessórios -> Bloco de Notas)..

2.         Digite o código indicado na Listagem 3.1:

Listagem 3.1 – Um exemplo simples – ex1cap3.cs

using System;
class ex1cap3
{
            // Exemplo1  - Capítulo 3.
            // Entrada  e saído com C#
            // Por:  Júlio Battisti
            // MCP,  MCP+I, MCSE, MCSE+I, MCSE, MCDBA
            public  static void Main()
            {
                        //  Declaração das variáveis.
                        Int32  Adicao;
                        Int32  Produto;
                        //  Entrada dos valores de x e y
                        Console.Write("Digite  o primeiro valor inteiro ->");
                        String  Aux1=Console.ReadLine();
                        Console.Write("Digite  o segundo valor inteiro ->");
                        String  Aux2=Console.ReadLine();
                        //  Cálculo da adição e do produto.
                        Adicao  = Convert.ToInt32(Aux1) +  Convert.ToInt32(Aux2);
                        Produto  = Convert.ToInt32(Aux1) * Convert.ToInt32(Aux2);
                        //  Exibição dos resultados.
                        Console.WriteLine("O  valor da soma    é -> {0}",Adicao);
                        Console.WriteLine("O  valor da Produto é -> {0}",Produto);
            }
}

3.         Selecione o comando Arquivo -> Salvar como...

4          Na lista Salvar em navegue até a pasta C:\ExCsharp\Cap3

5.         Na lista “Salvar como tipo:”, selecione a opção Todos os arquivos.

6.         No campo Nome do arquivo:, digite ex1cap3.cs.

7.         Dê um clique no botão Salvar.

8.         Feche o Bloco de Notas.

9.         Abra um Prompt de comando (Iniciar -> Programas -> Acessórios -> Prompt de comando).

10.       Navegue até a pasta C:\ExCsharp\Cap3.

11        Execute o seguinte comando:

      csc ex1cap3.cs

12.       Se o compilador C# estiver corretamente instalado o programa teste.cs será compilado e será gerado um arquivo chamado ex1cap3.exe.

13.       Agora vamos testar o nosso exemplo. Para executar o nosso exemplo basta digitar ex1cap3 e pressionar Enter.

14.       Surge uma mensagem pedindo que você digite o primeiro valor. Digite 10 e pressione Enter.

15.       Surge uma mensagem pedindo que você digite o segundo valor. Digite 20 e pressione Enter.

16.       O programa exibe o resultado da soma e da adição dos valores digitados.Você obterá os resultados indicados na Figura 3.1.

Curso Completo de ASP.NET - Júlio Battisti
Figura 3.1 Execução do programa ex1cap3.exe.

Os passos 9, 10 e 11 são utilizados para a compilação de um programa C#. Podemos resumir estes passos da seguinte maneira: Navegar até a pasta onde está o arquivo fonte (.cs) e executar o comando csc nome_do_arquivo.cs. Nos próximos exemplos não irei repetir estes três passos detalhadamente. Irei resumir os três passos em um único: Navegue para a pasta onde está o arquivo .cs e execute o comando csc nome_do_arquivo.cs.

IMPORTANTE: O C# é “case sensitive”, ou seja, o mesmo faz diferença entre letras maiúsculas e minúsculas. Por exemplo, se você declarar uma variável i minúscula e, por engano, utilizar em uma expressão I maiúsculo será gerado um erro de compilação. Outro exemplo, o comando Console.WriteLine deve ser escrito desta maneira, se você escrever, por exemplo, Console.writeline será gerado um erro de compilação.

Agora vamos as devidas explicações sobre o nosso primeiro exemplo.

Vamos analisar o seguinte trecho de código:

using System;

A cláusula using é utilizada para que possamos utilizar as classes, métodos e propriedades de um determinado namespace. No nosso exemplo estamos fazendo referência ao namespace System. Ao fazermos referência ao namespace System, passamos a ter acesso a todos os seus métodos, classes e propriedades. Por exemplo, abaixo de System, existe uma classe chamada Console – System.Console. Na Classe System.Console temos um método chamado WriteLine – System.Console.WriteLine. Observe que estamos utilizando este método em nosso programa. Porém, ao invés de digitar System.Console.WriteLine, utilizamos somente Console.WriteLine. Isso é possível pois estamos fazendo referência ao namespace System, através da cláusula using.. Se não fizéssemos referência ao namespace System, teríamos que utilizar a nomenclatura completa para o método WriteLine – System.Console.WriteLine. observe que ao fazermos referência a um ou mais namespaces estamos simplificando o nosso código.

Embora a utilização de referências não seja obrigatória é uma prática recomendada, uma vez que simplifica o código fonte. No nosso exemplo, se não tivéssemos feito referência ao namespace System, o nosso programa ficaria da seguinte maneira:

class ex1cap3
{
            // Exemplo1  - Capítulo 3.
            // Entrada  e saído com C#
            // Por:  Júlio Battisti
            // MCP,  MCP+I, MCSE, MCSE+I, MCSE, MCDBA
            public  static void Main()
            {
                        //  Declaração das variáveis.
                        System.Int32  Adicao;
                        System.Int32  Produto;
                        //  Entrada dos valores de x e y
                        System.Console.Write("Digite  o primeiro valor inteiro ->");
                        System.String  Aux1=System.Console.ReadLine();
                        System.Console.Write("Digite  o segundo valor inteiro ->");
                        System.String  Aux2=System.Console.ReadLine();
                        //  Cálculo da adição e do produto.
                        Adicao  = System.Convert.ToInt32(Aux1) +  System.Convert.ToInt32(Aux2);
                        Produto  = System.Convert.ToInt32(Aux1) * System.Convert.ToInt32(Aux2);
                        //  Exibição dos resultados.
                        System.Console.WriteLine("O  valor da soma    é ->  {0}",Adicao);
                        System.Console.WriteLine("O  valor da Produto é -> {0}",Produto);
            }
}

Observe que neste caso teríamos que utilizar sempre a nomenclatura completa. Também cabe observar a maneira de acessar um método ou propriedade de uma classe em C#: “Utilizamos o nome do namespace (System), um ponto (System.), o nome da classe (System.Console), mais um ponto (System.Console.) e por último o nome do método e os parâmetros que o método deve receber (System.Console.WriteLine(“O valor da soma é -> {0}”,Adicao);). Com a utilização da nomenclatura completa o código fica mais longo e de difícil leitura.

Abaixo temos um exemplo onde é feita referência a vários namespaces:

using System;
using System.Data;
using System.Net;
using System.Security;

Vamos analisar o seguinte trecho de código:

class ex1cap3
{
            // Exemplo1  - Capítulo 3.
            // Entrada  e saído com C#
            // Por:  Júlio Battisti
            // MCP,  MCP+I, MCSE, MCSE+I, MCSE, MCDBA

No C# toda a lógica de um programa deve estar contida dentro de uma classe. Na verdade, para ser mais precisos, teríamos que modificar a frase anterior para que a mesma ficasse assim: “No C# toda a lógica de um programa deve estar contida dentro de uma definição de tipo, sendo que uma definição de tipo pode ser uma classe, uma estrutura ou outro tipo qualquer definido no Framework .NET. Para o nosso estudo de introdução ao C#, ficaremos com a primeira frase, ou seja, toda a lógica dos nossos exemplos estará contida dentro de uma classe.

No nosso caso estamos definindo uma classe chamada ex1cap3. Um detalhe importante é que o nome da classe não precisa ser igual ao nome do arquivo .cs. Por exemplo, poderíamos ter uma classe ex1cap3.cs e gravarmos o código fonte em um arquivo chamado admult.cs.

Todo o conteúdo de uma classe (métodos, propriedades, etc) deve estar entre chaves. Na linha após a definição do nome da classe, temos a abertura das chaves. Na última linha do programa temos o fechamento das chaves.

As linhas iniciadas com duas barras (//) são linhas de comentário. Qualquer semelhança com C/C++ não é mera coincidência. Como temos múltiplas linhas de comentários também poderíamos ter utilizado a sintaxe a seguir:

            /* Exemplo1  - Capítulo 3.
                Entrada e saído com C#
                Por: Júlio Battisti
               MCP, MCP+I, MCSE, MCSE+I, MCSE, MCDBA */

Vamos analisar o seguinte trecho de código:

public static void Main()

Após a chave de abertura da classe (colocada logo após a definição da classe), começamos a definir os métodos e propriedades da classe ex1cap3. Todo programa em C# deve conter um método chamado Main(). Este método funciona como o ponto de entrada da aplicação. Em outras palavras, a execução da aplicação inicia pelo método Main(). Dentro do método Main() podemos fazer chamadas para outros métodos da classe ex1cap3 ou de outras classes. Novamente qualquer semelhança com o C/C++ não é mera coincidência.

Vamos analisar o seguinte trecho de código:

            {
                        //  Declaração das variáveis.
                        Int32  Adicao;
                        Int32  Produto;
                        //  Entrada dos valores de x e y
                        Console.Write("Digite  o primeiro valor inteiro ->");
                        String  Aux1=Console.ReadLine();
                        Console.Write("Digite  o segundo valor inteiro ->");
                        String  Aux2=Console.ReadLine();
                        //  Cálculo da adição e do produto.
                        Adicao  = Convert.ToInt32(Aux1) + Convert.ToInt32(Aux2);
                        Produto  = Convert.ToInt32(Aux1) * Convert.ToInt32(Aux2);
                        //  Exibição dos resultados.
                        Console.WriteLine("O  valor da soma    é ->  {0}",Adicao);
                        Console.WriteLine("O  valor da Produto é -> {0}",Produto);
            }

Este trecho de código é o corpo do método Main().

Iniciamos com a declaração de duas variáveis do tipo Int32:

                        Int32  Adicao;
                        Int32  Produto;

Em seguida utilizamos o método Write da classe Console (Console.Write), para exibir uma mensagem na tela. Na próxima linha o método ReadLine() da classe Console (Console.ReadLine) exibe um cursor e fica aguardando que o usuário digite alguma coisa e pressione Enter. Ao pressionar Enter, o valor digitado pelo usuário é passado, no formato de uma string de texto, para a variável Aux1:

                        Console.Write("Digite  o primeiro valor inteiro ->");
                        String  Aux1=Console.ReadLine();

Ao final da execução destas duas linhas temos o valor digitado pelo usuário armazenado na variável Aux1, porém no formato de uma string de texto. As mesmas explicações são válidas para a variável Aux2.

O próximo passo é calcular o valor da adição, que será armazenado na variável Adicao e da multiplicação, que será armazenado na variável Produto. Porém as variáveis Aux1 e Aux2 são do tipo texto. Não podemos adicionar e multiplicar variáveis do tipo texto. Para converter o valor destas variáveis para o tipo Int32 (inteiro de 32 bits), utilizamos o método ToInt32, da classe Convert, conforme indicado pelas duas linhas a seguir:

                        Adicao  = Convert.ToInt32(Aux1) + Convert.ToInt32(Aux2);
                        Produto  = Convert.ToInt32(Aux1) * Convert.ToInt32(Aux2);

Uma vez calculados os valores, o passo final é exibi-los na tela. Isso é feito como o método WriteLine da classe Console. Um detalhe interessante é a utilização do marcador {0} com esse método. O {0} é substituído pelo valor da primeira variável passada para o método, que no nosso exemplo é a variável Adicao:

                        Console.WriteLine("O  valor da soma    é ->  {0}",Adicao);

Neste caso o {0} é substituido pelo valor da variável adição. As mesmas considerações são válidas para a variável Produto, conforme indicado na linha a seguir:

                        Console.WriteLine("O  valor da Produto é -> {0}",Produto);

Após a chave de fechamento do método Main(), temos a chave de fechamento da classe ex1cap3. Cabe observar que para a classe ex1cap3 temos um único método definido, que é justamente o método que é obrigatório para todas as classes: Main().

Outra observação importante é que todo comando é encerrado com um ponto-e-vírgula (;).

Com isso, podemos apresentar a estrutura geral de um programa em C#:

using namespace1;
using namespace2;
...
using namespacen;
class nome_da_classe
{
            public  static void Main()
            {          
            [...]Comandos do  método Main()
 
            }
            Definição  de outros métodos e propriedades.
}

Agora que já conhecemos a “cara” de um programa C#, vamos começar a estudar os diversos elementos da linguagem. Vamos iniciar falando sobre os tipos de dados disponíveis no C#.


Promoção: Livro Windows Server 2012 R2 e Active Directory - Curso Completo, 2100 Páginas. Tudo para você se tornar um administrador de redes altamente qualificado para o mercado de trabalho e levar a sua carreira para o próximo nível!

Promoção: Livro Windows Server 2012 R2 e Active Directory

Curso Completo, 2100 páginas. Tudo para você se tornar um administrador de redes altamente qualificado para o mercado de trabalho e levar a sua carreira para o próximo nível!


  « Lição anterior Δ Página principal ¤ Capítulos Próxima lição »

Best Sellers de Programação do Julio Battisti

Todos com Vídeo Aulas, E-books ou Exemplos de Brinde!

Aprenda com Júlio Battisti: SQL Server 2008 R2

 

Autor: Júlio Battisti | Páginas: 1164 | Editora: Instituto Alpha

 

Macros e Programação VBA no Excel 2010

 

Autor: Júlio Battisti | Páginas: 1124 | Editora: Instituto Alpha

 

Access 2010 Avançado, Macros e Programação VBA - Passo a Passo

 

Autor: Júlio Battisti | Páginas: 828 | Editora: Instituto Alpha

 

 

Todos os livros com dezenas de horas de vídeo aulas de bônus, preço especial (alguns com 50% de desconto). Aproveite. São poucas unidades de cada livro e por tempo limitado.

Dúvidas?

Utilize a área de comentários a seguir.

Me ajude a divulgar este conteúdo gratuito!

Use a área de comentários a seguir, diga o que achou desta lição, o que está achando do curso.
Compartilhe no Facebook, no Google+, Twitter e Pinterest.

Indique para seus amigos. Quanto mais comentários forem feitos, mais lições serão publicadas.

Quer receber novidades e e-books gratuitos?
›››

Novidades e E-books grátis

Fique por dentro das novidades, lançamento de livros, cursos, e-books e vídeo-aulas, e receba ofertas de e-books e vídeo-aulas gratuitas para download.



Institucional

  • Quem somos
  • Garantia de Entrega
  • Formas de Pagamento
  • Contato
  • O Autor
  • Endereço

  • Júlio Battisti Livros e Cursos Ltda
  • CNPJ: 08.916.484/0001-25
  • Rua Vereador Ivo Cláudio Weigel, 537 Universitário
  • Santa Cruz do Sul/RS
  • CEP 96816-208
  • Todos os direitos reservados, Júlio Battisti 2001-2017 ®

    [LIVRO]: MACROS E PROGRAMAÇÃO VBA NO EXCEL 2010 - PASSO-A-PASSO

    APRENDA COM JULIO BATTISTI - 1124 PÁGINAS: CLIQUE AQUI