[A BÍBLIA DO VBA NO ACCESS]: MACROS E PROGRAMAÇÃO VBA NO ACCESS - CURSO COMPLETO

Páginas: 1164 | Autor: Júlio Battisti | 50% de Desconto e 21 Super Bônus

Você está em: PrincipalArtigosASP.NET › Capítulo 02 : 06
Quer receber novidades e e-books gratuitos?
›››
  « Lição anterior Δ Página principal ¤ Capítulos Próxima lição »
ASP.NET - CURSO COMPLETO
Autor: Júlio Battisti


Promoção: Livro Windows Server 2012 R2 e Active Directory - Curso Completo, 2100 Páginas. Tudo para você se tornar um administrador de redes altamente qualificado para o mercado de trabalho e levar a sua carreira para o próximo nível!

Promoção: Livro Windows Server 2012 R2 e Active Directory

Curso Completo, 2100 páginas. Tudo para você se tornar um administrador de redes altamente qualificado para o mercado de trabalho e levar a sua carreira para o próximo nível!


Lição 022 - Capítulo 02 - .NET Framework Class Library - Biblioteca de classes do Framework .NET

O Framework .NET fornece uma biblioteca hierárquica de classes. Esta biblioteca pode ser acessada por qualquer linguagem habilitada ao .NET. Nesta biblioteca temos milhares de classes, interfaces e estruturas, que disponibilizam os mais variados tipos de serviços e funcionalidades, como por exemplo:

  • Acesso a fontes variadas de dados.
  • Configurações de segurança.
  • Desenvolvimento de componentes e Web services.
  • Manipulação de objetos gráficos.
  • Leitura e escrita em disco.
  • Serviço de Sockets, com a possibilidade do envio e recebimento de dados utilizando uma grande variedade de protocolos de rede.
  • Criação de aplicações Web, com serviços de fila de mensagens, correio eletrônico, etc.
  • Manipulação de dados e esquemas XML.
  • Criar aplicações Win32 tradicionais através do uso de Win Forms.
  • Criar aplicações ASP.NET utilizando Web Forms.
  • Acessar as informações contidas nos assemblies, na forma de meta dados.

As funcionalidades oferecidas pela biblioteca de classes do Framework .NET facilitam a criação de programas, uma vez que muitas funções já estão prontas para serem utilizadas, evitando que as mesmas tenham que ser implementadas em cada programa. A utilização de classes comuns a todas as linguagens do Framework .NET também facilita a interoperabilidade entre diferentes linguagens.

Podemos utilizar as classes diretamente em nossos programas ou podemos criar classes que herdam os métodos e propriedades de uma determinada classe e adicionar as modificações necessárias. Vejam que aqui estamos utilizando o conceito de herança.

Como são milhares de classes, cada uma com seus métodos e propriedades, o Framework .NET precisa organizar estas classes de uma maneira a evitar conflito de nomes. A maneira encontrada pelo Framework .NET é através da utilização de um espaço de nomes (namespace). Um espaço de nomes é simplesmente um agrupamento lógico das classes, estruturas e interfaces relacionadas. A maioria das classes está contida no espaço de nomes System. Diretamente ligado a system temos a definição de tipos básicos como por exemplo: Int32, String, etc. Um exemplo de classe de segundo nível, dentro do espaço de nomes System é a classe System.Data, a qual fornece uma série de métodos para acesso às mais variadas fontes de dados. Temos também uma classe de segundo nível chamada System.Security, a qual fornece serviços para configurações da segurança de acesso às aplicações .NET. E assim vamos formando uma imensa hierarquia de classes. As classes de segundo nível, como System.Data e System.Security, herdam todas os métodos e propriedades da classe mãe System. Este é um dos princípios da orientação a objetos: Herança. No próximo item falaremos mais sobre a herança e os demais fundamentos da orientação a objetos.

Na Figura 2.4, temos uma representação parcial do espaço de nomes System, no qual representamos apenas alguns tipos básicos, ligados diretamente a System e as classes derivadas System.Data e System.Security.

Curso Completo de ASP.NET - Júlio Battisti
Figura 2.4 Uma representação parcial do espaço de nomes System.

Podemos continuar nos aprofundando na hierarquia de classes. Por exemplo, existem classes derivadas de System.Data. A classe System.Data.SqlClient contém toda a funcionalidade necessária para acessar dados de um servidor SQL Server 2000. Já a classe System.Data.OleDb fornece funcionalidades para conexão com qualquer fonte de dados, para a qual esteja disponível um OLE-DB Provider. Se acrescentássemos mais estas duas classes, o espaço de nomes System ficaria conforme indicado na Figura 2.5.

Curso Completo de ASP.NET - Júlio Battisti
Figura 2.5 System.SqlClient e System.OleDb.

Vejam que a hierarquia de classes vai crescendo. No decorrer deste livro estaremos utilizando diversas classes do .NET Framework Class Library.

Para uma descrição completa, de todas as classes do Framework .NET, consulte o item “.NET Framework  Class Library”, dentro do tópico “.NET Framework Reference”, na documentação do Framework .NET, conforme indicado na Figura 2.6. Lembrando que, uma vez instalado o Framework .NET, você pode acessar a documentação do produto utilizando o comando: Iniciar -> Programas -> Microsoft .NET Framework SDK -> Documentation.

Curso Completo de ASP.NET - Júlio Battisti
Figura 2.6 Documentação do Framework .NET.

Vamos fazer uma breve descrição das principais classes do .NET Framework  Class Library.

  • Microsoft.Csharp: Suporte a linguagem C# do Framework .NET.
  • Microsoft.Jscrip: Suporte a linguagem JScript no Framework .NET.
  • Microsoft.VisualBasic: Contém o Run Time para o VB.NET e fornece o suporte a linguagem no Framework .NET.
  • Microsoft.Win32: Fornece dois tipos de classes; um que trata dos eventos gerados pelo sistema operacional e outro que fornece funções para acessar e gravar informações na registry do Sistema Operacional.
  • System: É a classe principal para todo o espaço de nomes System. Contém todas as características comuns a todas as classes, uma vez que as classes derivadas de System, herdam suas características. Também contem os tipos básicos, como por exemplo inteiros de 16, 32 ou 64 bits, String, byte, etc.
  • System.Collections: Contém as interfaces e classes que definem várias coleções de objetos, como por exemplo listas, filas, arrays e dicionários.
  • System.Data: Contem a maioria das classes que compõem a arquitetura do ADO.NET. Com ADO.NET, podemos construir componentes capazes de gerenciar de uma maneira eficiente, dados de múltiplas fontes. Em um ambiente desconectado (connection less) como a Internet, ADO.NET disponibiliza uma série de ferramentas para requisitar, alterar e sincronizar dados em uma arquitetura de múltiplas camadas. O principal elemento do ADO.NET é uma classe chamada DataSet, a qual estudaremos em detalhes nos capítulos sobre ASP.NET.
  • System.Data.Common: Contém as classes que são compartilhadas por todos os .NET data providers (provedores de dados para o .NET). Um .NET data provider é uma coleção de classes que fornece acesso para uma determinada fonte de dados, como por exemplo dados em um Mainframe ou em um servidor SQL Server 2000.
  • System.Data.OleDb: Contém as classes que fornecem acesso a qualquer fonte de dados para a qual exista um OLE-DB Provider disponível.
  • System.Data.SqlClient: Contém um conjunto de classes que fornece um acesso otimizado ao SQL Server 2000. Utiliza o driver nativo para o SQL Server 2000, ao invés de um OLE-DB Provider ou uma fonte ODBC. Por isso o acesso é mais rápido.
  • System.Diagnostics: Um conjunto de classes com que permite que seja feita a depuração e acompanhamento da execução do código das aplicações .NET. Também fornece classes para leitura e escrita no log de eventos, para inicializar serviços do Sistema Operacional, para monitorar a performance do sistema através da utilização de contadores de desempenho.
  • System.DirectoryServices: Um conjunto de classes que fornece para as aplicações .NET, acesso ao Active Directory do Windows 2000. As classes de System.DirectoryServices podem ser utilizadas com qualquer Active Directory Service Provider disponível. Atualmente estão disponíveis os seguintes:

1.         IIS – Internet Information Server

2.         LDAP – Lightweight Directory Access Protocol

3.         NDS – Novel Directory Services

4.         WinNT – Para acesso ao diretório do Windows NT 4.0.

Nota: Para que o programador possa utilizar de maneira eficiente estas classes, um bom conhecimento do diretório em questão é exigido.

  • System.Drawing: Um conjunto de classes com funções gráficas da biblioteca gráfica do Framework .NET, a qual é conhecida como GDI+ (bem que poderia ser GDI.NET). Fornece métodos para desenhar elementos básicos no vídeo, como por exemplo retângulos, círculos, uma linha reta, um ponto, etc.
  • System.Globalization: Este namespace contém o conjunto de classes com as funcionalidades necessárias para a construção de aplicações com suporte a diferentes idiomas.
  • System.IO: Um conjunto de classes com suporte a leitura e escrita, síncrona e assíncrona para stream de dados e arquivos em disco.
  • System.Messaging: Contém um conjunto de classes para habilitar os programas .NET a trabalhar com filas, enviar mensagens para uma fila, ler mensagens de uma fila, etc. No Windows NT 4.0 tínhamos o MSMQ – Microsoft Message Queue que atuava como servidor, disponibilizando serviços de filas para aplicações COM.
  • System.Net: Disponibiliza uma interface de programação bastante fácil de utilizar, a qual nos dá acesso para a grande maioria dos protocolos disponíveis na Internet.
  • System.Security: Um conjunto de classes com métodos para a definição das configurações básicas de segurança para aplicações .NET.
  • System.Security.Cryptography: Disponibiliza serviços de criptografia, incluindo codificação e decodificação de dados, hashing, geração de números aleatórios e autenticação de mensagens.
  • System.Web: Contém uma série de classes e interfaces para a comunicação browser/servidor web. Por exemplo, existe uma classe chamada HTTPRequest a qual disponibiliza uma série de informações a respeito da requisição HTTP feita pelo cliente. Existem outros namespaces, herdados de System.Web, como por exemplo: System.Web.Caching, System.Web.Configuration. System.Web.Hosting, System.Web.Mail, System.Web.SessionState, etc.
  • System.Windows.Forms: Contém classes para a criação de aplicações Win32, as quais podem ter acesso a todos os elementos da interface do Windows, como por exemplo botões, menus, barras de rolagem, etc. Neste namespace encontraremos uma classe chamada Form além de muitos outros controles que podem ser utilizados para a criação da interface do usuário.
  • System.XML: É o namespace que contém as classes que dão suporte ao padrão XML.

Apresentamos apenas uma descrição básica dos principais namespaces do Framework .NET. Livros inteiros podem ser escritos sobre um único namespace como por exemplo System.Net ou System.Security. A melhor fonte de consulta para as classes, métodos e propriedades de um namespace é própria documentação do Framework .NET. No decorrer deste livro estaremos utilizando algumas classes em nossas páginas ASP.NET. Uma das classes que mais utilizaremos é System.Data e suas classes derivadas como System.SqlCliente e System.OleDb.

Agora vamos fazer uma revisão dos principais conceitos de Orientação a Objetos. É importante a revisão destes conceitos uma vez que a linguagem C# (assunto para os capítulos 3, 4 e 5) e todo o Framework .NET são baseados nos conceitos de Orientação a Objetos.


Promoção: Livro Windows Server 2012 R2 e Active Directory - Curso Completo, 2100 Páginas. Tudo para você se tornar um administrador de redes altamente qualificado para o mercado de trabalho e levar a sua carreira para o próximo nível!

Promoção: Livro Windows Server 2012 R2 e Active Directory

Curso Completo, 2100 páginas. Tudo para você se tornar um administrador de redes altamente qualificado para o mercado de trabalho e levar a sua carreira para o próximo nível!


  « Lição anterior Δ Página principal ¤ Capítulos Próxima lição »

Best Sellers de Programação do Julio Battisti

Todos com Vídeo Aulas, E-books ou Exemplos de Brinde!

Aprenda com Júlio Battisti: SQL Server 2008 R2

 

Autor: Júlio Battisti | Páginas: 1164 | Editora: Instituto Alpha

 

Macros e Programação VBA no Excel 2010

 

Autor: Júlio Battisti | Páginas: 1124 | Editora: Instituto Alpha

 

Access 2010 Avançado, Macros e Programação VBA - Passo a Passo

 

Autor: Júlio Battisti | Páginas: 828 | Editora: Instituto Alpha

 

 

Todos os livros com dezenas de horas de vídeo aulas de bônus, preço especial (alguns com 50% de desconto). Aproveite. São poucas unidades de cada livro e por tempo limitado.

Dúvidas?

Utilize a área de comentários a seguir.

Me ajude a divulgar este conteúdo gratuito!

Use a área de comentários a seguir, diga o que achou desta lição, o que está achando do curso.
Compartilhe no Facebook, no Google+, Twitter e Pinterest.

Indique para seus amigos. Quanto mais comentários forem feitos, mais lições serão publicadas.

Quer receber novidades e e-books gratuitos?
›››

Novidades e E-books grátis

Fique por dentro das novidades, lançamento de livros, cursos, e-books e vídeo-aulas, e receba ofertas de e-books e vídeo-aulas gratuitas para download.



Institucional

  • Quem somos
  • Garantia de Entrega
  • Formas de Pagamento
  • Contato
  • O Autor
  • Endereço

  • Júlio Battisti Livros e Cursos Ltda
  • CNPJ: 08.916.484/0001-25
  • Rua Vereador Ivo Cláudio Weigel, 537 Universitário
  • Santa Cruz do Sul/RS
  • CEP 96816-208
  • Todos os direitos reservados, Júlio Battisti 2001-2017 ®

    [LIVRO]: MACROS E PROGRAMAÇÃO VBA NO EXCEL 2010 - PASSO-A-PASSO

    APRENDA COM JULIO BATTISTI - 1124 PÁGINAS: CLIQUE AQUI